Como Escrever um Artigo de Blog Perfeito – Dicas para empreendedores da Saúde e Bem-Estar

notepad, table, decoration

Sentes que tens imensas ideias de conteúdo, os temas surgem que nem pipocas na tua cabeça mas não sabes por onde começar ou como escrever um artigo de blog perfeito? É normal, ninguém nasce ensinado e há algumas regras de escrita e de estruturação para um bom artigo, que atraia audiência e que o google o identifique como uma autoridade.

Estás sem ideias para temas, então vê este artigo que vai-te ajudar!

Neste artigo vou-te ajudar com algumas técnicas que me ajudaram a mim e que eu própria também sigo. No entanto, não quero que te esqueças – escreve sempre com o coração porque é desta forma que tocas na emoção da tua audiência.

Dicas para escrever um artigo de Blog Perfeito

FASE 1 – Antes de Escrever o Artigo

O meu objetivo com este artigo, é que tu o termines a perceber como deves estruturar um BOM artigo, por isso, tenho que começar bem pelo inicio.

Pesquisar

Esta fase é tão ou mais importante que escrever o artigo, por isso fica atento:

Inspiração

Todos nós que escrevemos artigos deveremos procurar inspiração. Inspirarmo-nos (não digo copiar), na concorrência. Perceber o que escrevem, como escrevem, quais os temas que falam, o tipo de design, tipo de linguagem utilizada, pontos fracos e fortes, etc.

Eu costumo procurar inspiração em artigos em Inglês. O mercado internacional é bem maior, logo consigo encontrar mais inspiração e conteúdo de qualidade.

Temas

A pesquisa do tema deverá ser feita através do teu cliente. Ou seja, ouve as suas questões, dúvidas.

Podes pesquisar também as tendências do mercado – por exemplo, na área da saúde o tema do momento é a saúde mental, há tanto para escrever sobre isso.

Palavra-chave

A palavra-chave é essencial e vou dar aqui um maior foco, pois é o que vai ajudar o teu artigo a ser encontrado nos motores de busca.

Dar atenção e foco à palavra-chave certa, coloca-te no caminho ideal para um artigo optimizado aos motores de busca.

Por exemplo: como nutricionista, podes achar que a tua audiência procura por “perder peso”, mas na realidade ela procura por “emagrecer”, sabias?

Nas imagens em baixo podes verificar isso. Utilizei o Ubersuggest (mais à frente já explico o que é), e percebi que o volume de procuras por “emagrecer” é significativamente maior que “perder peso”.

Pesquisa de Volume de Procuras para a palavra-chave “Perder Peso”
Pesquisa de volume de procuras para a palavra-chave "Emagrecer"
Pesquisa de volume de procuras para a palavra-chave "Emagrecer"

Perder Peso – 2400 vezes esta palavra foi pesquisada.

Emagrecer – 4400 vezes esta palavra foi pesquisada.

Sendo assim, a tua palavra-chave será – Emagrecer.

O mesmo sucede com “perder peso rápido” e “emagrecer rápido”

Como encontrar a palavra-chave mais acertada para ti?

  • Foca-te no que os teus clientes/ alunos/ audiência te questiona;
  • Utiliza várias ferramentas de procura de palavras-chave online – Ubersuggest (o meu favorito), KWfinder, Answer the Public, o próprio google e youtube também te ajudam com as pesquisas relacionadas, basta colocares a palavra-chave que tinhas em mente e vês as várias sugestões que te surgem.
Pesquisas Relacionadas no Google ajudam a encontrar a palavra-chave certa
Pesquisas Relacionadas no Google ajudam a encontrar a palavra-chave certa
Pesquisas Relacionadas no Youtube ajudam a encontrar a palavra-chave certa
Pesquisas Relacionadas no Youtube ajudam a encontrar a palavra-chave certa

Dica extra: Dá bastante especificidade à palavra-chave.

Ou seja, “emagrecer” é a tua palavra-chave de cauda curta (Short Tale Keyword – termo utilizado no Marketing Digital), tem um maior volume de pesquisas, é mais abrangente e menos especifico, mas “emagrecer na menopausa” será a palavra-chave de cauda longa (Long Tale Keyword), tem um menor volume de pesquisas, é menos abrangente, mais específico logo tem melhores resultados.

Não te digo para trabalhares apenas com Long Tale Keywords, deverá ser um equilíbrio, mas trabalhar mais Long Tale é melhor.

Definição do objetivo

Antes de avançares para a escrita, percebe qual o objetivo do conteúdo.

  • Atrair a atenção (Brand Awereness)
  • Educar – Criar autoridade
  • Realizar uma acção – Por exemplo: Conseguir uma lista de emails, fazer com que façam a compra de um produto, cliquem no calendário para agendar marcação, etc.
  • Gerar tráfego ao website – Conseguir nova audiência, aumentar o número de backlinks, etc

FASE 2 – Escrever o Artigo de Blog Perfeito

O artigo deverá ser escrito com uma ideia muito certa – conhecer quem o vai ler, ou seja, deverás saber quem é a tua Persona. Isto vai-te ajudar a saber que tipo de linguagem utilizar. Tens que escrever como se tivesses a falar para ela.

Dica 1. Coloca a palavra-chave no titulo do artigo.

Continuando com a palavra-chave de cauda longa – “Emagrecer na menopausa”, o título ficaria: Como Emagrecer na Menopausa – 5 Conselhos úteis para perder peso de forma saudável.

Dica extra: Apenas e só o título deverá ser escrito em H1.

Dica 2. Escreve uma boa introdução

A introdução deverá ter cerca de 200 palavras e deve prender o leitor ao artigo. Esta introdução tem que fazer com que o leitor queira prosseguir na leitura. Tem também que relevar o que se trata o artigo, para o leitor entender o que vai ficar a saber no final.

Eu gosto de colocar questões, para criar vontade emocional e fazer com que o meu leitor queira continuar a ler e chegar ao fim com uma resposta.

A introdução cria interesse, o texto cria envolvência de tal forma para que seja realizada uma acção.

Dica 3. Cria Sub-títulos.

Isto é muito importante para que o artigo seja bem estruturado, organizado e para que não pareça um artigo aborrecido e enorme. Os subtítulos ajudam o leitor a entender melhor o artigo, e a nós, ajudam-nos na sua organização por forma colocarmos as ideias logicamente.

Os subtítulos deveram ser divididos por secções, e “dizem” ao google (e ao leitor) o que vai ser abordado.

Os subtitulos deverão ser escritos em H2 ou de tamanho mais pequeno, mas nunca em H1. Garante, (se fizer sentido ao sub-título) que a palavra-chave é incluída.

Dica 4. Torna o artigo agradável à visão.

O que é que isto quer dizer? Utiliza listas, enumeração, parágrafos que contenham no máximo 4 linhas, imagens, pensamentos e frases ditas. Tudo isto são técnicas para facilitar a leitura e diminuir o cansaço.

Também devemos utilizar números (15) em vez de palavras (quinze) quando necessário. Números captam a atenção do leitor quando estes procuram factos.

O artigo ideal segundo o HUBSPOT, tem cerca de 2000 palavras (não necessitas seguir à regra, depende muito do tema) e convém ter uma duração de leitura média de 7 minutos, para captar a atenção.

Dica 5. Utiliza Imagens

As imagens atraem e ajudam a manter o foco, ao mesmo tempo que diminuem o cansaço. As imagens poderão ser adicionadas após cada sub título, ou quando entendas que uma imagem poderá ilustrar algo que estás a explicar, assim, será mais perceptível ao leitor.

Nós cada vez mais somos visuais, portanto deves utilizar não só imagens, mas também vídeos, infográficos ou audio. Queres que o leitor esteja focado naquilo que vê.

Garante apenas que utilizas imagens de um banco de imagens, como o Pixabay, Unsplash, Pexels para que as possas usar legalmente. Podes comprar ou baixar gratuitamente.

Dica 6. Ler, reler e corrigir

Não há problema em escrever, apagar e reescrever. Muitas vezes, quando relemos o texto, conseguimos ganhar outra perspectiva e melhorar assim o seu conteúdo.

Reler ajuda também a evitar erros de escrita, não queremos isso não é?!

Se possível, lê o artigo em voz alta, ou pede a alguém para o ler. Não tens que o publicar imediatamente após conclusão, dá tempo.

Publica talvez no dia a seguir, mas antes disso volta a ler o artigo. Eu releio pelo menos 2 vezes, e mesmo assim, à segunda ainda faço correções.

Como melhorar o artigo com a leitura?

Verifica a necessidade de cortar palavras, melhorar frases, utilizar palavras mais simples, conta histórias, coloca links internos e externos.

Dica 7. Conclusão

Termina o artigo com uma breve conclusão para recapitular o que foi dito e para que direcione o leitor a ponto seguinte.

Dica 8. Call to Action – Realizar uma Acção

A acção poderá ser levar o leitor a comprar algo, a ser direcionado a outra página, a comentar o artigo, ou algo mais.

FASE 3 – Depois da Escrita

Nesta fase, quando está o artigo perfeito, é tempo de te concentrares na meta-descrição.

A meta-descrição é aquele pequeno texto que aparece abaixo do título nas páginas do google relacionado com o teu artigo.

Meta Descrição no Google
Esta descrição deverá ser pequena, conter a palavra chave e despertar interesse ao leitor de clicar na tua página e não noutra. Agora que terminámos, espero mesmo que a criação do artigo deixe de ser um monstro de sete cabeças. Se seguires esta checklist, e com a prática, a escrita será bem mais fácil.
“A prática leva à perfeição, e o erro à excelência” ~Larisse Ribeiro
Se gostaste deste artigo, subscreve à Newsletter e ficarás com acesso a estas e outras dicas de conteúdos digitais que te ajudarão a ter sucesso e a te destacares no digital como empreendedor na área da saúde e bem-estar.

1 thought on “Como Escrever um Artigo de Blog Perfeito – Dicas para empreendedores da Saúde e Bem-Estar”

  1. Pingback: Publicações no Blog ou Redes Sociais: Qual o Melhor para Negócios na Saúde e Bem-Estar? - Bamboo Virtual Support

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *